Main Contents

Diferença entre transformador de potência e autotransformador

Uma dúvida recebida do Rodolfo, a respeito da diferença entre transformador de potência (TP) e o autotransformador.

Não há como comparar os dois. O transformador de potência é um equipamento. O termo autotransformador é como se deu a construção do transformador (seja ele de potência, ou de força, por exemplo).

O TP é o transformador que mais conhecemos: (mais…)

Como calcular a corrente de um motor

Recomendação: leia os posts Cálculo de corrente em cabos e Cálculo de corrente de motores antes.

Podemos dizer que o motor elétrico tem duas potências: a requerida da rede elétrica (de onde calculamos sua corrente nominal) e a entregue na ponta do eixo (energia entregue na forma mecânica).

Quando um motor é rotulado por 20CV, independente de seu rendimento ou tensão de alimentação (desde que seja alimentado com tensão indicada e correta ligação das bobinas), quer dizer que ele entrega 20CV de potência no seu eixo, em forma de energia mecânica. (mais…)

Condutores: cobre ou alumínio

Por que utilizamos só condutores de cobre em nossas residências? Por que às vezes encontramos alumínio nos fios de transmissão? Qual a diferença entre os tipos?

Em geral, há dois tipos de condutores: cobre e alumínio (excluindo a fibra óptica).

A diferença molecular entre os dois materiais é que o cobre tem uma massa atômica de 63,6u.a. e o alumínio, 27u.a. Isso significa que, para o mesmo volume de material, o cobre pesa mais que o alumínio. (mais…)

Termos montante e jusante em eletrotécnica

Estes termos são muito empregados em diversas áreas das ciências, e inclusive nas exatas, em eletrotécnica.

Analisando o percurso de um rio: a nascente é a montante e o sentido para a foz, jusante.

Analogamente, para eletricidade: (mais…)

Funcionamento do relé falta de fase

O relé falta de fase detecta inconsistências de fase no sistema elétrico, comutando seus contatos auxiliares. Geralmente ele corta a alimentação de contatores principais, frente à uma falta de fase.

Eles comutam nas seguintes condições: se a tensão cair abaixo do set de mínima, se a tensão subir acima do set de máxima, se houver assimilaridade do valor de tensão para as fases (tolerância de 20%) e até em caso de assimilaridade no ângulo de uma das fases. (mais…)

DPS, filtro de linha e estabilizador

Recomendação: leia o post Dispositivo de Proteção contra Surtos (DPS) antes.

Dúvida do colega Eduardo. Ele disse que sempre que vai comprar um DPS de tomada, o vendedor diz que nada mais é que o famoso filtro de linha ou estabilizador. Ele pergunta se é verdade ou qual a diferença.

Caro Eduardo, definitivamente os três são dispositivos diferentes entre si. (mais…)

DR para lâmpadas submersas em piscina

Recomendação: leia o post Dispositivo DR antes.

Dúvida do Isaac, que visitou o site e deixou um comentário. Ele quer saber se pode utilizar o DR para proteção de lâmpadas submersas em piscinas. E questiona inclusive a ausência do pólo para o terra no DR.

Caro Isaac, nada impede que use DR para este tipo de circuito. A ressalva é que a luminária seja blindada, esteja em ótimas condições de uso e aterradas corretamente, caso contrário, com baixa isolação, a corrente de fuga a terra pode fazer o DR atuar sem que tenha ocorrido de fato uma falha. (mais…)

Usando dois contatores para detectar falta de fase

Recomendação: leia o post Contatores antes.

Uma dúvida enviada por um colega. O Francisco deseja saber se dá para produzir uma proteção contra falta de fase, tendo em mãos apenas dois contatores.
Ele argumenta que a aplicação é para a área rural e, conseqüentemente, os painéis com relé falta de fase são caros.
Obs: Francisco, um relé falta de fase é mais barato do que um contator de potência. (mais…)

Semicondutores e junção PN

Sem entrar muito em detalhes, e com uma linguagem simples, semicondutores é uma gama de materiais elétricos que apresentam tanto isolação, quanto condução, sob determinadas circunstâncias.

Semicondutor intríseco é o elemento químico base para a fabricação do semicondutor usual. Nunca totalmente puro, mas com quantidade relativa de impureza muito baixa, em torno de poucas ppb (parte por bilhão). Os mais usuais são o Silício e o Germânio. (mais…)

DR sem neutro e equipamento sem o terra

Recomendação: leia o post Dispositivo DR antes.

A dúvida do colega Mayco: quer saber se o DR sem neutro detecta fulga de corrente entre fases, e se num equipamento não aterrado o DR ainda funciona.

Como já é de conhecimento de todos (vide postagens anteriores sobre DR), o DR atua quando a soma das correntes dos condutores que entram no dispositivo é diferente de zero (e, necessariamente, acima de sua sensibilidade, 30mA ou 500mA, por exemplo). (mais…)

Página 4 de 8« Primeira...23456...Última »