Main Contents

Cálculo de corrente em cabos

Dúvida de um colega: Olá pessoal, como faço para saber qual a corrente que irá circular em cada cabo destes?

Trifasico.380 V
Indutiva.
43 metros
estão na mesma fase.
A carga é aproximadamente 600 CV

Obrigado
Sds
Figura: http://www.2shared.com/file/3241286/38cabe47/carga600cv.html

Disse que é trifásico mas estão tudo na mesma fase. Se for monofásico, o que acho difícil (uma máquina de 600CV ser monofásica), a tensão é mesmo 380V? É provável que não.

Então vamos considerar que a carga seja trifásica, a potência 600CV e a tensão fase-fase 380V. Por ser trifásico, dividiremos a potência por 3 (considerando a carga estando equilibrada): dá 147,1KW por fase (note que transformei para WATTS).

Como temos a potência na fase, e temos também que a tensão de fase é 380 / raiz(3) = 220V. Então achamos a corrente por fase, que é [ 147,1K / 220 ] = 668,6A.

Lembrando que não considerei o FP nem o rendimento pois a carga já foi dada como sendo 600cv.

Temos a corrente total de alimentação da carga: essa é a intensidade da corrente que sai da fonte. Então agora ela se divide por 2 vãos de condutores:

- Calculando a resistência do condutor de 120, temos: R120 = 0,017*43/120 = 6,1.10^-3 ohms.- R95 = 0,017*43/120 = 7,7.10^-3 ohms.

Assossiando em paralelo, temos Req = R120*R95/(R120+R95) = 3,4.10^-3 ohms. Assim, teremos uma tensão de condutores Vc = It*Req = 668,6*Req = 2,27V.

Agora, as correntes I120 = 2,27 / R120 = 372,1A. E a I95 = 2,27 / R95 = 294,8A. Veja que a corrente total da fonte é aproximadamente igual a I120 + I95 = 666,9A (deu menos de 1% de erro, por causa dos arredondamentos).

Obs: Considerei a carga sendo totalmente resistiva, seguindo a potência dada, de 200CV (147,1KW) por fase. Se for indutivo, basta repetir os cálculos, agora mudando 200CV para 250CV (assumindo um fator de potência de 0.80). O resto dos cálculos é o mesmo…

Voltando ao pensamento inicial (totalmente resistiva), temos que a corrente nos cabos de 120 é de 372,1A (sendo que a capacidade máxima para cabos 120mm² é de 239A). E a corrente nos cabos de 95 é de 294,8A (sendo que a capacidade máxima para cabos 95mm² é de 207A – seguindo a tabela da WETZEL, que achei no Google).

Veja que para a carga resistiva, a corrente já está maior que a suportada pelos condutores. Se a carga for indutiva, ou seja, aumentando ainda mais a potência aparente por fase, a corrente será ainda maior, agravando ainda mais o problema de sobrecorrentes.

Continuando o pensamento, vamos agora para a queda de tensão. Como calculado, a tensão nos condutores foi de 2,27V. Se a tensão por fase é de 220V, temos como queda de tensão percentual: Qt% = 2,27*100/220 = 1%, o que é perfeitamente aceitável.

Sobre a corrente nominal lá na fonte, deve ser a nominal do barramento, que é de 1.200A, e está corretamente dimensionado. O que não parece estar bem dimensionado, fora os condutores (que a corrente da carga ultrapassa a sua capacidade) é a proteção contra sobrecargas (disjuntor). Vale lembrar: a corrente nominal do disjuntor DEVERÁ SEMPRE SER MENOR do que a capacidade máxima dos condutores de menor bitola (se no mesmo circuito tiver condutores de diferentes bitolas (até onde sei, a norma não permite isso, porque ou você acaba subdimensionando ou sobredimensionando um trecho)). Assim, se for apenas uma proteção para os dois condutores (proteção logo na saída da fonte, antes da bifurcação), a corrente nominal do disjuntor deverá ser menor do que a capacidade máxima do cabo de menor bitola. Ou seja, In(disj) deverá ser menor do que 207A (capacidade máxima de cabos 95mm² – segundo tabela WETZEL (vide Google)). Porém, se o disjuntor estiver bem dimensionamento (nominal menor que 207A), ele sempre atuaria, visto que para a potência mencionada, a corrente será sempre maior; lembrando que aqui, considerando o disjuntor já na saída da fonte, teremos uma corrente nominal de carga de 668,6A (que é bem maior que a nominal correta do disjuntor (que deverá ser menor que 207A (para os cabos utilizados)).

Então, ao meu ver, cabe as seguintes modificações: mudar os cabos para uma bitola maior; não podendo (inexistência ou impossibilidade de usar condutores maior que 120mm²), adicione mais outros vãos de 120mm², para dividir a corrente entre os cabos, visando não ultrapassar a capacidade máxima. E retire o cabo de 95mm², porque senão você não poderá aproveitar os 25mm² restantes dos outros cabos de 120, por causa da proteção do disjuntor.

Explicando melhor: se para dimensionar o disjuntor você tem que tomar como referência a menor bitola, então seria 95mm². Assim, seus cálculos tomarão como base 95mm² de condução para todos os cabos, até para os de 120mm². Então, retirando os condutores de 95mm² e colocando só vãos de 120mm², você ganha mais 25mm² de condução. Assim, agora você pode dimensionar corretamente o disjuntor para uma corrente maior que 668,6A (pois essa é a corrente nominal de carga) e menor do que 239*n (sendo n o número de vãos de 120mm²).

Neste caso, pode-se utilizar 3 vãos de 120mm². Assim, teremos uma capacidade total de condução de 3*239 = 717A, que é maior do que a corrente nominal de carga, 668,6A. Então, a corrente nominal do disjuntor deverá ficar entre 668,6 e 717A. Se não for possível, coloque mais um vão e você terá um intervalo de 668,6 e 956A para escolher seu disjuntor (956 = 239 * 4 vãos).

30 Responses to “Cálculo de corrente em cabos”

  1. 1
    julio cesar belisario Says:

    bom dia gostaria de receber informações de como fazer calculos de condutor életrico,se tem formulas ou um meio de se calcular atraves de porcentagem

  2. 2
    julio cesar belisario Says:

    gostaria de saber como calcular o momento életrico em cada circuito

  3. 3
    julio cesar belisario Says:

    desejosaber como calcular disjuntores e contatores se tem formulas certas para tais calculos quem souber me informe no meu imail juliodobanjo@yahoo.com.br

  4. 4
    Wagner Cabral Says:

    Como calcular os cabos para alimentar o barramento de um CCM 440V trifásico 60Hz com In=400A

  5. 5
    Cálculo de corrente de um gerador | Carlos Matheus - Eletricidade Says:

    [...] leia o post Cálculo de corrente em cabos [...]

  6. 6
    Cálculo de corrente de motores | Carlos Matheus - Eletricidade Says:

    [...] leia o post Cálculo de corrente em cabos [...]

  7. 7
    Como calcular a corrente de um motor | Carlos Matheus - Eletricidade Says:

    [...] leia os posts Cálculo de corrente em cabos e Cálculo de corrente de motores [...]

  8. 8
    Lenilson Says:

    amigo, o calculo da corrente em Gerador e transformador é o mesmo para qualquer potência?
    o seu tópico de gerador é muito bom. parabens.
    tenho essa duvida por favor me ajude. obrigado.

  9. 9
    Eduardo Says:

    Gostaria de saber qual e a fórmula de calcular a bitola do fio dependendo da distância
    EX: tenho que conduzir un circuito de 40A por 60m.Qual seria a bitola do fio?

  10. 10
    João de deus Says:

    Ola amigo estou com uma grande duvida,tenho um transformador de corrente com entrada em 220v/ trifasica.
    E a saida e em 380v/44av.como eu posso calcular esta potência?
    porque a pergunta pois minha entrada esta medindo 220v só que a saida que deveria esta com 380 na verdade ta saido 417v. o tecnico do transformador me falou que e normal mais o meu eletricista não ta conseguindo realizar o calculo.!voc?e poderia me da uma ajuda..Desde ja obrigado..

  11. 11
    Alessandro Says:

    Ola amigo bom gostaria de saber se vc pode me ajuda,estou fazendo um curso de eletricidade industrial e predial e gostaria de saber como as empresa de fio chegarão no valor que é dado nas tabelas que elas fornencem sobre seu fio ex: na tabela esta assim fio de 1,0 mm² com 2condutor carregado com temperatura até 30º graus suporta 13,5A. bom gostaria de saber como eles chegarão nesse valor e qual a formula que eu uso pra chega nesse valor, se puder me ajuda muito obrigado.

  12. 12
    gilmar cardoso Says:

    Bom dia
    gostaria de ter ua tabela de amperagem ,para cabos

    obrigado

  13. 13
    Milton Alberto Maciel Abadie Says:

    Carlos …sou seguidor das tuas postagens que sao muito valiosas pra quem quer sempre estar aprendendo um pouco mais. PARABENS !!!!
    Gostaria de saber como calculo o fator de demanda de uma empresa com alimentação trifásica, com varios ar condicionados e muitas lampadads fluorescentes. Para de aí , dimencionar a fiação de entrada assim como proteção geral
    Te agradeço muito uma ajuda !!!

  14. 14
    jackson Says:

    Gostaria de receber uma tabela da amperagem maxima suportada por cabos!!!!

  15. 15
    Eduardo gomes vidigal Says:

    Olá com estão, tenho uma duvida? Na empresa que eu trabalho tenho uma bomba submesivel ebara que possui o HP 50, A tensão trifasica de alimentação da mesma e de 380V.A minha duvida e quantos cv tera esta bomba é qual a sua corrente nominal em 380V.Sera que tem como saber o RPM desta bomba.
    Gostaria que mim explicase este calculo porque eu sei que 1CV e igual a 0,736 W.

    um abraço e obrigado

  16. 16
    Carlos Matheus Says:

    Eduardo, a corrente será 50×746/(raiz(3)x380x0,8×0,8) igual a 89A aproximadamente, considerando o rendimento e FP iguais a 0,80. O RPM da bomba é obtido na sua placa ou em teste (usando tacômetro).

  17. 17
    leonardo Says:

    Estou precisando saber como é que se calculaos condutores pelo criterio da queda de tensão

  18. 18
    Marcos Says:

    Gostaria de saber qual e a fórmula de calcular a bitola do fio dependendo da distância
    EX: tenho que conduzir un circuito de 20A por 50m.Qual seria a bitola do fio?

  19. 19
    jonas Says:

    oi gostei muito das explicações

  20. 20
    fred tavares Says:

    Em meu sitío tenho um transformador trifásico de 30kva.Gostaria de saber no máximo quantos amperesu amperes posso usar por fase?Obrigado.

  21. 21
    Carlos Matheus Says:

    Fred, depende da tensão da rede. Usando a tensão de fase, divida 30000 por pelo produto da tensão com a raiz(3).
    Obs: o rendimento do transformador é próximo a 100%.

  22. 22
    Milton Says:

    Gostaria de saber como efetuar o cálculo para instalar um motor, os cabos elétricos, o disjuntor e o contator, mediante o que esta especificado no motor.

  23. 23
    Carlos Matheus Says:

    Milton, se eu for fazer um passo-a-passo para você, ele teria diversas observações e ressalvas, dependendo das condições de instalações, da instalação já existente, do ambiente, etc. Sugiro procurar um técnico em elétrica para fazer o dimensionamento para você.

  24. 24
    Milton Says:

    Vou instalar um equipamento em uma rede trifasica 220v , o motor de 1,5cv , qual a fomula para faser o dimensionamento dos cabos, contatora e dijuntor?

  25. 25
    alexbek Says:

    Carlos… Gostaria de saber qual e a fórmula de calcular a bitola do fio dependendo da distância
    EX: tenho que instalar dois Nobreak trifasico 380v,saida 127v um 10KVA e outro de 50kva conduzir os cabos até uma caixa de distribuição que estar a 50m,E vai Alimentar os micros computadores da Empresa.Min de exemplo de como fazer o calculo. Qual seria a bitola do fio?

  26. 26
    Carlos Matheus Says:

    Alex, não existe fórmula pronta. O que existe é você determinar as constantes de uma instalação, e a partir daí, variar apenas a distância e ter a seção apropriada do condutor.
    Mas se você deixar de instalar o condutor pelo teto, mas enterrado, a fórmula já não vale mais.

  27. 27
    Moreira Says:

    Eu queria saber como megar um transformador trifasico de potência 20KW.

  28. 28
    walmir Says:

    gostaria de saber se em um calculo de corrente em um sistema 220trifasico apenas divido a potencia total apenas por 220 ou tanbem utilizo dividir por raiz de 3 pois tenho uma potencia de 90kw

  29. 29
    Carlos Matheus Says:

    Além do número raiz(3), considere também fator de potência e rendimento da máquina.

  30. 30
    walter paulo de paiva Says:

    gostaria de saber se em um calculo de corrente em um sistema 220trifasico apenas divido a potencia total apenas por 220 ou tanbem utilizo dividir por raiz de 3 pois tenho uma potencia de 90kw

  31. 31
    walter paulo de paiva Says:

    Gostaria de saber qual e a fórmula de calcular a bitola do fio dependendo da distância
    EX: tenho que conduzir un circuito de 20A por 50m.Qual seria a bitola do fio?

  32. 32
    walter paulo de paiva Says:

    bom dia gostaria de receber informações de como fazer calculos de condutor életrico,se tem formulas ou um meio de se calcular atraves de porcentagem

  33. 33
    Carlos Matheus Says:

    Walter, por ser trifásico, você também tem que dividir pela raiz de 3.

  34. 34
    AGNALDO Says:

    gostaria de saber como medir corrente motor, evaporador,condensador e compressor direto no disjuntor geral de uma so vez ,pelas fases R S T

  35. 35
    Carlos Matheus Says:

    Agnaldo, usando alicate amperímetro.

  36. 36
    ADILSON CARNEIRO Says:

    PARABENS POR INFORMAÇÕES TÃOVALIOSAS QUE ME AJUDOU A DIMENSINAR UMA ENTRADA TRIFASICA.

    ADILSON CARNEIRO ENG.CIVIL

    PODERIA INFORMAR CUROS DE INSTALAÇÕES BAIXA TENSÃO.

    TENHO UM CASO : UM APATAMENETO 21000WATS INSTALADOS SÃO 16 . CALCULO DA ENTRADA = 21000 X 16 /1,732 X 380 X 1 = 528 AMPERES.

    CORRENTE POR FASE = 21000/3 / 1,732 / 380 = 176 AMPRES.

Leave a Reply