Main Contents

Dispositivo de Proteção contra Surtos (DPS)

This post is also available in: Inglês

O dispositivo de proteção contra surtos elétricos (também conhecido como pára-raio eletrônico) é um aparelho que conduz quando há um pico de tensão. Dentro dele, há um varistor de óxido de zinco que é associado a um dispositivo de segurança. Este varistor deixa a corrente passar quando a tensão em seus terminais passa da tensão limite. A passagem da corrente por ele é proporcional à tensão que atinge ele. Esta passagem gradual de corrente por ele que garante que a tensão da saída não aumente.

Já o dispositivo de segurança serve para tirar de operação o varistor se ele passar de sua vida útil, for danificado ou se for submetido a tensões acima de sua capacidade. Há uma sinalização mecânica de seu estado de operação: verde (em serviço) ou vermelho (com defeito).

Geralmente, os DPS são ligados no quadro geral de distribuição, onde cada um pega uma fase, no final se interligam e são ligados ao terra.

Quando se quer proteger um equipamento mais sensível, como um computador, também há disponível no mercado DPS para instalar diretamente na tomada onde o computador (ou outro equipamento) será ligado. Vale lembrar que este DPS poderá ou não proteger outros equipamentos (se ligados no mesmo circuito), mas o computador estará protegido.

Há duas origens para as sobretensões momentâneas na nossa rede: ou vem de fora, da malha aérea (provocada por raios, por exemplo), ou vem de dentro, pelo acionamento/desligamento de máquinas.

Pois bem, se os surtos estão vindo de fora de sua instalação, o mais viável econômica e tecnicamente é instalar o DPS na entrada QGD (quadro geral de distribuição). Assim, você não correrá riscos do surto atingir um equipamento, e nem pagará pela corrente surto fluindo pela sua instalação (perdas por Joule).

Agora se o causador dos surtos for por exemplo, uma máquina de solda, é melhor instalar o DPS diretamente nesta máquina. Assim, você garantirá que o surto gerado por ela não atinja outras máquinas, e que não será estabelecida correntes de surto pela instalação, garantindo a economia de energia.

Por isso que às vezes a instalação de DPS no QGD acarreta quase nada de economia de energia. Imagine que sua carga geradora de surtos está no ponto distante da sua instalação; o DPS conduzirá a corrente gerada por ela, isto é, a corrente sairá lá da máquina e virá pelos condutores até o DPS. Assim, haverá perdas por efeito Joule.

16 Responses to “Dispositivo de Proteção contra Surtos (DPS)”

  1. 1
    FABRICIO S. FREITAS Says:

    Muito bom! Sou estudante de emgenharia elétrica e em minhas pesquisas não tinha encontrado nada tão claro e direto.
    Obrigado!
    Fabricio.

  2. 2
    Gilton Says:

    … Essa informação para mim é nova!
    Vou pesquisar um pouco mais sobre esse assunto!

  3. 3
    paulo Says:

    o condutor de saida do dps que é ligado ao condutor neutr´,é o neuto de serviço ou de segurança?

  4. 4
    claudio Says:

    ola gostei muito vc pode mim manda manual de estalacao do DR

  5. 5
    jose lopes Says:

    Tenho um Residencia com 2 dorm.Jantar,Estar,coz,Escritorio,3 Banheiros,Dorm.Empregada,garagem. gostaria de saber como montar um quadro com protecao conta surtos

  6. 6
    agnaldo Says:

    óla muito boa estas informações gostei muito lgal.

  7. 7
    DPS, filtro de linha e estabilizador | Carlos Matheus - Eletricidade Says:

    [...] leia o post Dispositivo de Proteção contra Surtos (DPS) [...]

  8. 8
    Wanderley gomes de moraes Says:

    GOSTEI MUITO DESSES ASUNTOS, GOSTARIA DE SABER COMO EU FASSO PARA CALCULAR POTENCIA ATIVA REATIVA E
    E APARENTE, NO AGUARDO, OBRIGADO

  9. 9
    DPS II | Carlos Matheus - Eletricidade Says:

    [...] leia o post Dispositivo de Proteção contra Surtos (DPS) [...]

  10. 10
    Instalação de DPS no quadro com DR | Carlos Matheus - Eletricidade Says:

    [...] leia os posts Falhas a contato aberto ou a contato fechado, Dispositivo de Proteção contra Surtos (DPS), Dispositivo de proteção contra surtos (DPS) II, Termos montante e jusante em eletrotécnica e [...]

  11. 11
    Julio Says:

    Como saber qual DPS instalar? Quanto maior seu valor(8Ka,15Ka,20Ka,40Ka)mais sensivel ele é?

  12. 12
    gil Says:

    muito bom bem claro e objetivo!!!

  13. 13
    Anderson Says:

    Sro Carlos Matheus Boa Noite, em qual situação devo usar os dps de 40k 20k etc…
    Existe uma maneira simples que você possa esplicar?
    Obrigado e Boa Noite

  14. 14
    Willians Pinto Says:

    Sr. Carlos boa tarde, como devo pedir a tensão nominal dos DPS, para proteção entre fases, e para neutro em uma instalação trifásica 220V, com neutro aterrado.

    Obs: Para as fases 175V ou 275V

  15. 15
    Mauro Says:

    muito bom as informações

  16. 16
    Roque dos santos garcia Says:

    Muito boa imformação.

    vc pode me manda uma instalação de um dr.

  17. 17
    pedro Says:

    mtu bom….tava procurando essa resposta msm…mtu abrigado…so estudante de eletrotecnica

  18. 18
    Marcos Silva Says:

    Ok prof. Boa explicação sobre o DPS. Mais ainda tenho duvidas como instalar o DPS. O SR. tem como mandar umas fotos ou videos como fazer a instalação do DPS. Obs: Só com o DPS e com o DR. Muito obrigado.

  19. 19
    Carlos Matheus Says:

    Marcos, ando muito ocupado ultimamente.
    O importante é saber o funcionamento do DR e do DPS, e como eles atuam. A partir daí, você será capaz de desenhar o circuito.
    Por exemplo, o DPS desvia o surto para o terra. Deste modo, ele tem que necessariamente estar a montante do DR, senão o DR atuará no momento em que o DPS atuar.

Leave a Reply